Páginas

quinta-feira, 12 de abril de 2012

A criança e a música...

A música não é apenas um divertimento, mas um meio profundo de educar”;
veículo preponderante na formação do caráter e da educação de uma raça.”
Francisco Casabona

       Dona Aranha

                  

 DONA ARANHA
SUBIU PELA PAREDE
VEIO A CHUVA FORTE
E A DERRUBOU.
JÁ PASSOU A CHUVA
E O SOL JÁ VEM SURGINDO
E A DONA ARANHA
CONTINUA A SUBIR
ELA É TEIMOSA
DESOBEDIENTE
SOBE,SOBE,SOBE


       A Barata

                   A BARATA DIZ QUE TEM
                   UM SAPATO DE FIVELA.
                   É MENTIRA DA BARATA
                   O SAPATO É DA MÃE DELA.
                   AH! AH! AH!
                   OH! OH! OH!
                   O SAPATO É DA MÃE DELA.(bis)
A BARATA DIZ QUE TEM
SETE SAIAS DE FILÓ.
É MENTIRA DA BARATA
ELA TEM É UMA SÓ.
AH! AH! AH!
OH! OH! OH!
ELA TEM É UMA SÓ.(bis)
A BARATA DIZ QUE TEM
SETE SAIAS DE BALÃO.
É MENTIRA DA BARATA
NÃO TEM DINHEIRO NEM PRO SABÃO
AH! AH! AH! OH! OH! OH!
NEM DINHEIRO PRO SABÃO.(bis)

NUNCA ESTÁ CONTENTE!

       Se esta rua fosse minha

                 DENTRO DELE,
                 DENTRO DELE MORA UM ANJO
                 QUE ROUBOU,
                 QUE ROUBOU MEU CORAÇÃO.
                SE EU ROUBEI,
                SE EU ROUBEI TEU CORAÇÃO
                TU ROUBASTE,
                TU ROUBASTE O MEU TAMBÉM
                SE EU ROUBEI,
                SE EU ROUBEI TEU CORAÇÃO
                É PORQUE,
                É PORQUE TE QUERO BEM.

      SE ESTA RUA, SE ESTA RUA
      FOSSE MINHA
      EU MANDAVA,
      EU MANDAVA LADRILHAR
      COM PEDRINHAS,
      COM PEDRINHAS DE BRILHANTES
      PARA O MEU,
      PARA O MEU AMOR PASSAR.
      NESTA RUA,
      NESTA RUA TEM UM BOSQUE
     QUE SE CHAMA,
     QUE SE CHAMA SOLIDÃO

     Fui á Espanha
         A BACIA É DE OURO, AREADA COM SABÃO,
         DEPOIS DE TUDO PRONTO, ENXUGA NO ROUPÃO.
         O ROUPÃO É DE SEDA,
         CAMINHA DE FILÓ
         QUEM NÃO PEGAR SEU PAR
         FICARÁ PARA A VOVÓ.
         A BÊNÇÃO VOVÓ, A BÊNÇÃO VOVÓ!
         CRIOU LÊ LÊ
         CRIOU LÊ LÊ LÁ LÁ CRIOULA LÊ LÊ
         NÃO SOU EU QUE CAIO LÁ.

FUI NA ESPANHA BUSCAR O MEU CHAPÉU
AZUL E BRANCO DA COR DAQUELE CÉU.
OLHA PALMA, PALMA, PALMA
OLHA PÉ, PÉ, PÉ
OLHA RODA, RODA, RODA
CARANGUEJO PEIXE É.
CARANGUEJO NÃO É PEIXE,
CARANGUEJO PEIXE É,
CARANGUEJO SÓ É PEIXE
NA VAZANTE DA MARÉ.
SAMBA CRIOLA QUE VEIO DA BAHIA
PEGA ESTA CRIANÇA E JOGA NA BACIA.
 
Sapo Cururu

SAPO CURURU
DA BEIRA DO RIO
QUANDO O SAPO GRITA
OH! MANINHA
É PORQUE TEM FRIO.
A MULHER DO SAPO
DEVE ESTAR LÁ DENTRO
FAZENDO RENDINHA
OH! MANINHA
PRO SEU CASAMENTO.

Da abóbora faz melão

QUEM QUISER APRENDER A DANÇAR,
VAI NA CASA DO SEU JUQUINHA,
QUEM QUISER APRENDER A DANÇAR,
VAI NA CASA DO SEU JUQUINHA.
ELE PULA, ELE RODA
ELE FAZ REQUEBRADINHA.
DA ABÓBORA FAZ MELÃO
DO MELÃO FAZ MELANCIA
DA ABÓBORA FAZ MELÃO
DO MELÃO FAZ MELANCIA
FAZ DOCE, SINHÁ,
FAZ DOCE, SINHÁ,
FAZ DOCE, SINHÁ, MARIA


Borboleta

BORBOLETA PEQUENINA
SAIA FORA DO ROSAL
VENHA VER QUANTA ALEGRIA,
QUE É NOITE DE NATAL.

EU SOU UMA BORBOLETA,
PEQUENINA E FEITICEIRA,
ANDO NO MEIO DAS FLORES,
PROCURANDO QUEM ME QUEIRA.

BORBOLETA PEQUENINA,
VENHA PARA O MEU CORDÃO,
VENHA CANTAR O HINO,
QUE HOJE É NOITE DE NATAL.

A janelinha

A JANELINHA FECHA
QUANDO ESTÁ CHOVENDO
A JANELINHA ABRE
SE O SOL ESTÁ APARECENDO

FECHOU, ABRIU
FECHOU, ABRIU, FECHOU.

ABRIU, FECHOU
ABRIU, FECHOU, ABRIU.

Sai piaba

SAI, SAI, SAI
Ô PIABA,
SAI LÁ DA LAGOA
SAI, SAI, SAI
Ô PIABA,
SAI LÁ DA LAGOA
BOTA A MÃO NA CABEÇA
OUTRA NA CINTURA
DÁ UM REMELEXO NO CORPO
DÁ UMA ABRAÇO NO OUTRO.

Pezinho

OI BOTA AQUI , OI BOTA AQUI
O SEU PEZINHO
OI BOTA AQUI, OI BOTA AQUI
JUNTINHO AO MEU
E DEPOIS NÃO VAI DIZER
QUE VOCÊ JÁ SE ESQUECEU
OI BOTA AQUI , OI BOTA AQUI
O SEU PEZINHO
OI BOTA AQUI, OI BOTA AQUI
JUNTINHO AO MEU
E DEPOIS NÃO VAI DIZER
QUE VOCÊ SE ARREPENDEU

O sítio do Seu Lobato

E NO SEU SÍTIO TINHA UMAVACA, IA, IA, Ô!
ERA MU, MU, MU PRA CÁ
ERA MU, MU, MU PRA LÁ
ERA MU, MU, MU PRA TODO LADO, IA, IA, Ô!
SEU LOBATO TINHA UM SÍTIO IA, IA, Ô!
E NO SEU SÍTIO TINHA UM PATO, IA, IA, Ô!
ERA QUÁ, QUÁ, QUÁ PRA CÁ
ERA QUÁ, QUÁ, QUÁ PRA LÁ
ERA QUÁ, QUÁ, QUÁ PRA TODO LADO, IA, IA, Ô!
IA, IA, Ô
IA, IA,Ô

SEU LOBATO TINHA UM SÍTIO IA, IA, Ô!
E NO SEU SÍTIO TINHA UM CACHORRO, IA, IA, Ô!
Era AU, AU, AU PRA CÁ
ERA AU, AU, AU PRA LÁ
ERA AU, AU, AU, PRA TODO LADO, IA, IA, Ô!
SEU LOBATO TINHA UM SÍTIO IA, IA, Ô!
E NO SEU SÍTIO TINHA UMA GALINHA, IA, IA, Ô!
ERA COCORICÓ PRA CÁ
ERA COCORICÓ PRA LÁ
ERA COCORICÓ PRA TODO LADO, IA, IA, Ô!
SEU LOBATO TINHA UM SÍTIO IA, IA, Ô!
 


Fui ao mercado
 

FUI AO MERCADO COMPRAR LIMÃO
E A FORMIGUINHA SUBIU NA MINHA MÃO
EU SACUDI, SACUDI, SACUDI
MAS A FORMIGUINHA NÃO PARAVA DE SUBIR

FUI AO MERCADO COMPRAR JERIMUM
E A FORMIGUINHA SUBIU NO MEU BUMBUM
EU SACUDI, SACUDI, SACUDI
MAS A FORMIGUINHA NÃO PARAVA DE SUBIR

FUI AO MERCADO COMPRAR CAFÉ
E A FORMIGUINHA SUBIU NO MEU PÉ
EU SACUDI, SACUDI, SACUDI
MAS A FORMIGUINHA NÃO PARAVA DE SUBIR

FUI AO MERCADO COMPRAR BATATA ROXA
E A FORMIGUINHA SUBIU NA MINHA COXA
EU SACUDI,SACUDI, SACUDI
MAS A FORMIGUINHA NÃO PARAVA DE SUBIR

Samba Lê Lê

SAMBA LÊ LÊ ESTÁ DOENTE
ESTÁ COM A CABEÇA QUEBRADA
SAMBA LÊ LÊ PRECISAVA
DE UMAS BOAS LAMBADAS.
SAMBA, SAMBA, SAMBA LÊ, LÊ
PISA NA BARRA DA SAIA LÁ, LÁ
OH! MORENA BONITA
ONDE É QUE VOCÊ MORA
MORO NA RUA DA PRAIA
DIGO ADEUS E VOU EMBORA.
SAMBA, SAMBA, SAMBA LÊ, LÊ
PISA NA BARRA DA SAIA LÁ,LÁ


Loja do Mestre André

AI OLÉ , AI OLÉ
FOI NA LOJA DO MESTRE ANDRÉ
FOI NA LOJA DO MESTRE ANDRÉ
QUE EU COMPREI UM PIANINHO
PLIM, PLIM, PLIM, UM PIANINHO
FOI NA LOJA DO MESTRE ANDRÉ
QUE EU COMPREI UM VIOLÃO
DÃO, DÃO, DÃO UM VIOLÃO
PLIM, PLIM PLIM, UM PIANINHO
FOI NA LOJA DO MESTRE ANDRÉ
QUE EU COMPREI UMA FLAUTINHA
FÁ, FLÁ, FLÁ, UMA FLAUTINHA
DÃO, DÃO, DÃO UM VIOLÃO
PLIM, PLIM PLIM, UM PIANINHO

Ciranda, Cirandinha
CIRANDA, CIRANDINHA,
VAMOS TODOS CIRANDAR,
VAMOS DAR A MEIA VOLTA,
VOLTA E MEIA VAMOS DAR.
O ANEL QUE TU ME DESTE,
ERA VIDRO E SE QUEBROU,
O AMOR QUE TU ME TINHAS,
ERA POUCO E SE ACABOU.
POR ISSO MENINA AGORA
ENTRE DENTRO DESSA RODA,
DIGA UM VERSO BEM BONITO,
DIGA ADEUS E VÁ EMBORA.

Meu limão

MEU LIMÃO, MEU LIMOEIRO
MEU PÉ DE JACARANDÁ
UMA VEZ TINDÔ LÊ LÊ
OUTRA VEZ TINDÔ LÁ LÁ]
MEU LIMÃO, MEU LIMOEIRO
MEU PÉ DE JACARANDÁ
UMA VEZ TINDÔ LÊ LÊ
OUTRA VEZ TINDÔ LÁ LÁ]

Eu vi o Sapo

EU VI O SAPO
NA BEIRA DO RIO
DE CAMISA VERDE
SENTINDO FRIO
NÃO ERA SAPO
NEM PERERECA
ERA O PEDRINHO SÓ DE CUECA


O Pintinho Amarelinho

MEU PINTINHO AMARELINHO
CABE AQUI NA MINHA MÃO,
NA MINHA MÃO.
QUANDO QUER COMER BICHINHO
COM SEUS PEZINHOS
ELE CISCA O CHÃO.
ELE BATE AS ASAS
ELE FAZ PIU-PIU
MAS TEM MUITO MEDO É DO GAVIÃO.[BIS]

Borboletinha

BORBOLETINHA
ESTÁ NA COZINHA
FAZENDO CHOCOLATE
PARA A MADRINHA
POTI ....POTI
PERNA DE PAU
OLHO DE VODRO
NARIZ DE PICA – PAU
PAU-PAU

Gato xadrez


ERA UMA VEZ UM GATO XADREZ ( 2 X )
USAVA TERNO
MEIA E SAPATO
E ERA AMIGO DE UM CARRAPATO
TOCAVA FLAUTA E VIOLÃO
TINHA CAMINHA E UM COLCHÃO
AI EU NUNCA VI
UM GATO ASSIM:
O MIADO DELE ERA O
A... ERA O A...
ERA O...
ATCHIMMMMMM...


Cachorrinho


CACHORRINHO ESTÁ LATINDO
LÁ NO FUNDO DO QUINTAL
CALA A BOCA CACHORRINHO,
DEIXA O MEU BENZINHO ENTRAR
MEU POTINHO DE MELADO,
MINHA CESTA DE CARÁ
QUEM QUISER COMER COMIGO
FECHE A PORTA E VENHA CÁ
OSKINDÔ LÊ LÊ
OSKINDÔ LÊ LÊ LÁ LÁ
OSKINDÔ LÊ LÊ
NÃO SOU EU QUE CAIO LÁ

Sabiá


A MENINA CHAMA CHORANDO
SABIÁ ESTOU TE ESPERANDO
SABIÁ RESPONDE DE LÁ
NÃO CHORES QUE EU VOU VOLTAR
SABIÁ LÁ NA GAIOLA
FEZ UM BURAQUINHO
VOOU, VOOU, VOOU, VOOU
E A MENINA QUE GOSTAVA TANTO DO BICHINHO
CHOROU, CHOROU, CHOROU, CHOROU

SABIÁ LÁ NA GAIOLA
FEZ UM BURAQUINHO
VOOU, VOOU, VOOU, VOOU
E A MENINA QUE GOSTAVA
TANTO DO BICHINHO
CHOROU, CHOROU, CHOROU, CHOROU
(BIS)
SABIÁ FUGIU PRÔ TERREIRO
FOI CANTAR LÁ NO ABACATEIRO
E A MENINA PÔS-SE A CHORAR
VEM CÁ SABIÁ, VEM CÁ


Panderolê

PANDEROLÊ DE PÃ DE PI
É DE PA DE RUGE
PANDEROLÊ DE PÃ DE PI
É DE PA DE GRI
PANDEROLÊ DE PÃ DE PI
É DE PA DE RUGE
PANDEROLÊ DE PÃ DE PI
É DE PA DE GRI

Papagaio Louro

PAPAGAIO LOURO DE BICO DOURADO
MANDA ESSA CARTINHA PARA O MEU NAMORADO
SE TIVER DORMINDO, BATA NA PORTA
SE TIVER ACORDADO, DEIXA RECADO

Carrocinha


A CARROCINHA PEGOU TRÊS CARROS DE UMA VEZ
A CARROCINHA PEGOU TRÊS CARROS DE UMA VEZ
TRA LÁ LÁ QUE GENTE É ESSA
TRA LÁ LÁ QUE GENTE MÁ

Na mão direita

À MÃO DIREITA TEM UMA ROSEIRA
(BIS)
QUE DÁ FLOR NA PRIMAVERA
(BIS)
ENTRAI NA RODA, Ó LINDA ROSEIRA
(BIS)
E ABRAÇAI A MAIS FACEIRA
(BIS)
A MAIS FACEIRA EU NÃO ABRAÇO
(BIS)
ABRAÇO A BOA COMPANHEIRA
(BIS)


A Linda Rosa Juvenil


A LINDA ROSA JUVENIL, JUVENIL, JUVENIL
A LINDA ROSA JUVENIL, JUVENIL
VIVIA ALEGRE NUM SOLAR, NUM SOLAR, NUM SOLAR
VIVIA ALEGRE NUM SOLAR, NUM SOLAR
MAS UMA FEITICEIRA MÁ, MUITO MÁ, MUITO MÁ
MAS UMA FEITICEIRA MÁ, MUITO MÁ
ADORMECEU A ROSA ASSIM, BEM ASSIM, BEM ASSIM
ADORMECEU A ROSA ASSIM, BEM ASSIM
NÃO HÁ DE ACORDAR JAMAIS, NUNCA MAIS, NUNCA MAIS
NÃO HÁ DE ACORDAR JAMAIS, NUNCA MAIS
E O TEMPO CORREU A PASSAR, A PASSAR, A PASSAR...
E O MATO CRESCEU AO REDOR, AO REDOR...
UM DIA VEIO UM LINDO REI, LINDO REI, LINDO REI...
QUE A BELA ROSA DESPERTOU, DESPERTOU, DESPERTOU...
DIGAMOS AO REI: MUITO BEM, MUITO BEM, MUITO BEM!... TRA LA LA LA LA LA LA LA TRA LA LA TRA LA LA LA


O Sapo não lava o pé

IA PASSANDO NUMA PINGUELINHA
MEU CHINELINHO CAIU DO PÉ
OS PEIXINHOS RECLAMARAM:
QUE CHEIRINHO DE CHULÉ
O SAPO NÃO LAVA O PÉ
NÃO LAVA PORQUE NÃO QUER
ELE MORA LÁ NA LAGOA
NÃO LAVA O PÉ PORQUE NÃO QUER
MAS QUE CHULÉ!!

Lá vai uma

LÁ VAI UMA, LÁ VÃO DUAS,
TRÊS POMBINHAS A VOAR,
UMA É MINHA, OUTRA É TUA,
OUTRA É DE QUEM A APANHAR.

SETE E SETE, SÃO CATORZE,
COM MAIS SETE SÃO VINTE E UM,
TENHO SETE NAMORADOS,
E NÃO GOSTO DE NENHUM.

LÁ VAI UMA, LÁ VÃO DUAS,
TRÊS POMBINHAS A VOAR,
UMA É MINHA, OUTRA É TUA,
OUTRA É DE QUEM A APANHAR.


A Rolinha

OLHA A ROLINHA, ANDOU, ANDOU,
CAÍU NO LAÇO E LÁ FICOU.
DÁ-ME UM ABRAÇO E TROCA O PASSO,
OLHA A ROLINHA, CAÍU NO LAÇO.

OLHA A ROLINHA, LÁ IA, IA,
DEBAIXO D'ÁGUA, NINGUÉM A VIA.
DÁ-ME UM ABRAÇO, COM DESEMBARAÇO,
OLHA A ROLINHA, CAÍU NO LAÇO.


Pedalinho



PEDALA. PEDALA
PEDALA, PEDALINHPO
ME LEVA PRA LONGE
BEM DEVAGARINHO
O MAR ESTA BONITO
ESTÁ CHEIO DE PEIXINHOS
PEDALA,PEDALA
PEDALA PEDALINHO.




Tartaruguinha


OUVI CONTAR UMA HISTÓRIA,
UMA HISTÓRIA ENGRAÇADINHA,
DA TARTARUGUINHA, DA TARTARUGUINHA.
HOUVE UMA FESTA LÁ NO CÉU,
MAS O CÉU ERA DISTANTE.
E A TARTARUGUINHA VIAJOU NA ORELHA
DO ELEFANTE.
QUANDO A FESTA TERMINOU,A BICHARADA
SE MANDOU.
QUEM VIU A TARTARUGUINHA,QUEM VIU?
LÁ NO CÉU ELA CAIU.

O elefante e a tartaruga


O ELEFANTE QUERIA NADAR
BALEIA DISSE NÃO VAI SE AGUENTAR
O ELEFANTE TEIMOU E NADOU, NAODU,
E SE AFOGOU!
A TARTARUGA QUERIA VOAR
ABELHA DISSE NÃO VAI SE AGUENTAR
A TARTARUGA TEIMOU E VOOU, VOOU,
E SE ESBORRACHOU!

0 comentários:

Postar um comentário